16 agosto, 2008

TRABALHO NO SÁBADO E NO PERÍODO NUTURNO

Hoje, sábado dia 16 de agosto ainda temos trabalho para fazer. É por isso que em saúde coletiva a gente diz que se trabalha 24 horas. Nosso compromisso é com o cidadão usuário do SUS. Por isso a Equipe Urbana da ESF estará hoje a partir das 21:30 nas imediações do salão paroquial realizando vacinação contra rubéola.
Para alguns servidores isso parece inacreditável, afinal de contas sábado não é dia de trabalho, mas para quem tem verdadeiramente compromisso com a população, com a saúde coletiva e com o SUS isso é parte das tarefas.
85% dos problemas de saúde da população são enfrentados e vencidos pela atenção básica. Vacina é um trabalho de prevenção que pode evitar que as pessoas fiquem doentes e essa é mais uma parte de nosso trabalho.
Vale lembrar que a maioria das pessoas ainda acreditam que os problemas de saúde se resolvem com hospital e médicos. Não é só a população que pensa assim, tem profissional da saúde que pensa assim também e tem muitos candidatos que vendem essa ideia para população. Inclusive tinha um candidato a presidente da república que tinha como plano para melhorar a situação de saúde o País construir hospitais. Porém em alguns Países do mundo faz-se justamente o contrario, ou seja, os planos de saúde do governo tem como meta desativar leitos hospitalares e mesmo hospitais. E fazem isso justamente porque estão investindo em prevenção de doenças e promoção de saúde.
As atividades de prevenção de doenças e promoção de saúde que são realizadas em Rio Negro pela ESF são muito bem desenvolvidas e inclusive modelos para algumas localidades do Brasil. A população reconhece e usufrui destes serviços, porém é preciso que os formadores de opinião tenham também conhecimento disto.
Os formadores de opinião são aquelas pessoas que têm o poder de influenciar boa parte da população. São comerciantes bem sucedidos, religiosos, artistas, políticos, professores e demais servidores públicos. Muitas vezes essas pessoas não usam o serviço de saúde da cidade e por isso desconhecem o que aqui se faz. Essas pessoas precisam conhecer o SUS municipal que estamos construindo. Conhecendo não terão como negar os avanços obtidos pelo município.
É impressionante como fora de Rio Negro, seja no Ceará ou em Brasília, para citar dois encontro onde estivemos recentemente, somos bem conhecidos e reconhecem em nossas atividades um valor e uma vitalidade que muita gente da cidade ainda desconhece.
Por isso convidamos todos os cidadão que ainda não sabem como funcionam a estrutura de saúde de Rio Negro, suas atividades, programas e campanhas para vir nos fazer uma visita.
Só conhecendo e descobrindo que saúde não é o contrário de doença poderão ajudar toda comunidade a valorizar o que tem e não cair na conversa de candidatos que prometem resolver problemas investindo em hospitalização dos cuidados, coisa que há mais de 30 anos já se sabe que não funciona.
E se você é candidato a vereador ou a qualquer cargo conheça o que o município já tem para depois propor melhoras, pois sempre é possível melhorar, mas para fazer propostas reais e possíveis é preciso conhecer verdadeiramente o problema e as soluções.
Soluções tem, uma delas é o que já fazemos, e hoje quem for ao baile no salão paroquial vai ver.

Nenhum comentário: